Imagem capa - Como funciona o serviço de maquilhagem? O que é que eu preciso, que espaço? Quanto tempo demoro?  por Bárbara Brandão

Como funciona o serviço de maquilhagem? O que é que eu preciso, que espaço? Quanto tempo demoro? 


Hoje venho mostrar-vos um bocadinho do que acontece durante a preparação da noiva no dia do seu casamento.

E a primeira coisa que faço quando chego a casa da noiva é escolher o local para maquilhar. A maioria das noivas nem imagina mas é dos factores mais importantes para eu conseguir fazer um bom trabalho. Carrego sempre muito material comigo então preciso de uma mesa grande e alta.  Tenho quase 1,80 de altura e debruçar-me vezes sem conta para ir buscar o material ao sofá ou à cama simplesmente não funciona. Em 10 minutos estou com dores de costas e sem vontade de continuar. Uma janela (grande de preferência) com luz natural é tão ou mais importante. Cortinados e paredes coloridas, candeeiros de mesa ou de pé não ajudam, vão mudar a cor da luz e o resultado da maquilhagem pode ser afectado. Muito provavelmente vai ser em frente à maior janela que me vão encontrar, com uma mesa ou balcão de lado. Para trabalhar só preciso disto. E de música...

No caso desta noiva que mostro hoje, apesar de ela ter preparado uma zona com espelho, numa espécie de camarim, eu preferi ficar num sítio menos bonito mas mais adequado às minhas necessidades. No entanto no final vou com a noiva ao local preparado e fazemos algumas fotografias. 


Demoro cerca de 1 hora a fazer a maquilhagem. Gosto de começar pelos olhos e fazer a pele no final para ter a certeza que o resultado fica perfeito e limpo. Assim também tenho algum tempo para os produtos de pele serem absorvidos e actuarem. Nesta altura a maquilhagem parece sempre estranha e que não vai resultar...




TODAS as minhas noivas levam pestanas postiças. A não ser que me convençam do contrário acho que a maquilhagem não fica completa sem elas. Alongam o olho, podem ser muito naturais ou mais dramáticas, há para todos os gostos e ando sempre com várias possibilidades. Algumas noivas optam por fazer extensão mas, sinceramente? Não gosto, não acho bonito e não me ajuda, muito pelo contrário. As pestanas tem de complementar a maquilhagem e por isso prefiro ser eu a escolher. Em casos de alergia à cola ou sensibilidade o melhor é realmente optar pela extensão. Mas SEMPRE num local com referências e NUNCA experimentem procedimentos dias antes do casamento. Esta é uma altura de stress e é muito normal a pele reagir exageradamente à depilação, por exemplo. Se fazem sempre à cera não façam com linha no dia anterior. Não façam jet bronze sem testar antes e ter a certeza que vai funcionar... Se eu fosse a contar os casos de experiências que deram errado e que depois só são motivo de mais stress...





O momento em que a noiva se vê é sempre um pouco stressante. Será que vai gostar? Geralmente não maquilho em frente ao espelho e a noiva só se vê mesmo no final. Isto porque o processo é longo, eu uso muitos produtos e estou sempre a acrescentar um bocadinho aqui e ali. No final estou sempre receptiva a fazer alterações. As minhas clientes tem principalmente que se sentir bem e confortáveis, depois vem a minha opinião...




No final borrifo sempre um pouco de fixador MAS ele não é a garantia que a maquilhagem se vai aguentar impecável até ao dia seguinte. Se a pele não estiver bem tratada e se não tiverem cuidado ao longo do dia vai-se notar, obviamente. Tenho tendência a fazer peles mais leves, com menos produto, por saber que assim é mais provável manterem-se impecáveis. Uma pele com muita base acaba por marcar ruguinhas, precisa de retoque e sinceramente? Não acho bonito. Gosto de ver pele, não gosto de ver base.






A noiva está pronta e agora?

Tantas vezes vejo as minhas noivas com medo de comer, de tocar no rosto, de abraçar... e uma das minhas frases habituais é "agora? Vai ser feliz". É importante a maquilhagem estar no ponto, bem feita e para durar. Mas mais importante que isso é beijarem o vosso noivo/marido, abraçarem a vossa família e amigos, comerem, dançarem, chorarem... sem medo, o dia do casamento é para ser vivido INTENSAMENTE só assim é que tem piada. 




E pronto, estas foram algumas dicas que considero úteis para as noivas que me contratam ou que querem saber um pouco mais de como eu trabalho. Espero que tenha sido útil* 

As fotografias bonitas são da Instante Fotografia